21/10/18 18:26

" Sindicato dos Professores das Escolas Públicas Municipais de Barueri e Região. "

ENTENDA A PROPOSTA DE PROGRESSÃO HORIZONTAL DEFENDIDA PELO SIPROEM

Visando a qualificação docente e o reconhecimento do percurso profissional do professor, o SIPROEM propôs a Progressão Horizontal que considere, além da avaliação de desempenho proposta pela FGV/Prefeitura, fatores de tempo de serviço, atualização, aperfeiçoamento, produção profissional e Desenvolvimento pedagógico-cultural. Sendo assim, o professor terá de computar 70,0 durante quatro anos (interstício) para concorrer a evolução. A proposta de aumento de interstício se deu para garantir a chance de 100% dos professores evoluírem no período, sendo 25% por ano.

 

A avaliação de desempenho, valendo de 0 a 10,0, se refere as atribuições do cargo, além de servir de instrumento para a habilitação do professor para concorrer a progressão adiciona pontos ao docente. Das quatro avaliações, o professor terá de ter no mínimo, três notas iguais ou superiores a 7,0. Deste modo, ele terá durante o interstício, pelo menos, 21,0 até um máximo de 40,0. Os demais pontos poderão ser obtidos de acordo com as tabelas apresentadas a seguir:

 

TEMPO DE SERVIÇO
Componente Pontos Pontuação máxima
Tempo de Serviço no Magistério Municipal 1,0 1,0 por ano

 

ATUALIZAÇÃO
Componentes Pontos Pontuação Máxima Validade
Ciclo de Palestras

Conferências e/ou ciclo de conferências

Videoconferências

Congressos

Cursos (com ou sem oficinas)

Encontros

Fóruns

Seminários

Ciclos de Estudos

Simpósios

Carga Horária

 

Até 10h = 0,5

11h a 29h = 1,0

30h a 59h = 3,0

60h a 89h = 5,0

90h a 179h = 7,0

Superior a 180h = 9,0

 

 

Até 10h = 2,5

11 a 29 horas = 5,0

30 a 59 horas = 15,0

60 a 89 horas = 25,0

90 a 179 horas = 35,0

Superior a 180 horas = 45,0

 

 

 

 

 

A partir de 2005

Neste componente serão considerados os cursos na área da Educação, campo de atuação ou áreas correlatas ao cargo, promovidos por Instituições de Nível Superior reconhecidas pelo MEC, órgãos públicos, Prefeitura Municipal de Barueri e o Sindicato do Magistério Municipal.

 

 

 

 

 

 

APERFEIÇOAMENTO
Componentes Pontos Pontuação Máxima Validade
A partir da 2ª Pós-Graduação Stricto senso ou Pós-Graduação Strictu sensu não correlata ao campo de atuação do Professor. Doutorado 50,0 50,0  

 

Livre

Mestrado 35,0 35,0
A partir da 2ª Pós- Graduação Lato sensu (Especialização) e MBA Mínimo de 360h 15,0 30,0
Curso de Aperfeiçoamento Mínimo de 180h 9,0 27,0  

 

A partir de 1999

Extensão universitária/cultural De 30 a 59h 3,0 9,0
De 60 a 89h 5,0 15,0
Mais de 90h 7,0 21,0
Créditos de cursos de pós-graduação (por disciplina cursada) ou participação em Grupos de Estudos e Pesquisas de Instituições de Nível Superior. 7,0 21,0  

 

 

 

Livre

Licenciatura plena em área diversa do cargo ocupado 15,0 15,0
Licenciatura por complementação 10,0 10,0
Bacharelado 15,0 15,0
Neste componente serão considerados os cursos na área da Educação, campo de atuação ou áreas correlatas ao cargo, promovidos por Instituições de Nível Superior reconhecidas pelo MEC.

No caso de diplomas de mestrado e doutorado ou ainda de certificados de especialização obtido no exterior, deverão ser reconhecidos por universidades que possuam cursos de pós-graduação reconhecidos e avaliados pelo MEC, na mesma área de conhecimento, no mesmo nível ou em nível superior.

Desenvolvimento Pedagógico-Cultural
Componentes Pontos Pontuação Máxima Validade
1. Desenvolvimento de projetos* pedagógicos desenvolvidos na escola, excetuando-se as aulas atribuídas para este fim.

2. Desenvolvimento de projetos* de recuperação de alunos com menor rendimento, excetuando-se as aulas atribuídas para este fim.

*A análise e a validação dos referidos projetos devem ser realizadas pelo superior imediato.

2,0 por

participação

14,0  

 

 

 

 

 

 

A partir da publicação desta lei

 

 

 

 

 

 

Participação em órgãos colegiados* (Conselhos de Escola, Associação de Pais e Mestres, Conselhos Municipais de Educação, Sindicato, Conselhos do FUNDEB, etc)

*A análise e a validação das referidas participações devem ser realizadas pelo superior imediato.

2,0 por

participação

14,0
Participação em atividades culturais que se relacionem à área de atuação (cinema, teatro, espetáculos, museu, etc) – mediante entrega de comprovante e relatório a ser validado pelo superior imediato). 1,0 por participação

 

10,0
Projetos premiados em eventos promovidos por órgãos públicos ou em Instituições de nível superior devidamente reconhecidos pelo MEC. 8,0 24,0
Projetos premiados no Prêmio Professor Giz de Ouro. 10,0 30,0 A partir de 2001

 

 

 

PRODUÇÃO PROFISSIONAL
Componentes Pontos Pontuação Máxima Validade
Publicações por editoriais ou em revistas, jornais periódicos de veiculação científico-cultural com alta circulação ou via internet na área de atuação ou correlata. Livros Único autor 15,0 Livre
Até 3 autores 9,0
Mais de 3 autores 3,0
Capítulos de livros Único autor 5,0 15,0
Até 3 autores 3,0 9,0
Mais de 3 autores 1,0 3,0
Artigos

(Autoria ou co-autoria)

Nacional 3,0 15,0
Internacional 5,0 25,0
Materiais didáticos pedagógicos, inclusive de multimídia acompanhados do respectivo manual de suporte Software educacional, apostilas, livros didáticos, etc. Até 3 autores 5,0 25,0
Mais de 3 autores 3,0 15,0
Documento que explicite colaboração na produção ou revisão de material didático-pedagógico. 5,0 25,0

 


Was This Post Helpful:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

admin